Clube dos Cinco – 1985 (The Breakfast Club – John Hughes)

97 min. – Comedia | Drama – EUA

John Hughes não foi só um dos realizadores mais importantes dos anos 80 ao lado de Steven Spielberg e Jerry Bruckheimer. Ele escutava e transcrevia sua época, como poucos artistas o fizeram, como George Orwell na Literatura e Chico Buarque na Música, e isso é um grande elogio.

Partindo de uma ideia simples, o diretor conversa diretamente com o coração da plateia por meio de um roteiro irretocável falando de forma despretensiosa sobre igualdade, aceitação, sexo, e tudo que atormentou, atormenta e vai atormentar a cabeça de qualquer um que passar por essa complicada fase chamada adolescência.

Com atuações memoráveis de todo o elenco (o que é raro), essa dramedia muda de um gênero ao outro sem perder o ritmo e a qualidade levando a quem assisti uma experiência completa de reflexão e euforia.

De longe, ao lado de Curtindo a Vida Adoidado (também de Hughes) o melhor filme do gênero dessa saudosa casa chamada Anos 80.

Indgnato colocou esse filme na “Listinha do Coração”

Postado em by Kinho - Review